domingo, 29 de julho de 2012

Pré-Entropia

Aquela mulher é como mentir e crer
Cruel feito criança,
Feliz na ignorância de entender maior o que é só primeiro,
Abraço derradeiro de uma porção qualquer.