sábado, 10 de março de 2012

Perfect Crime

Que a sua ignorância seja perdoada
Pelos que ficam a chorar nesses cortejos,
Rios a esmo sem janeiro
Enquanto auscutamos o frio trincar a pele ressequida pela morte.