terça-feira, 22 de novembro de 2011

When the Bulls Fight Back


Onde não estou
Para conter a fome homérica de meu corpanzil doente
Faz-se espelho do que prevejo assim que tento a ignorância,
Quando deste me amputo por descontrole.

Embriagado da própria impotência,
Vejo-me morto donde nunca nasci
A ejacular futuro onde o fato desvanece.