terça-feira, 4 de outubro de 2011

Aquém do Possível

Observando este plano supostamente inóspito para nós,
Nota-se que o repugnante é um biomomento ocupando espaço sem pedir licença,
Livre e competitivo ao sabor da escassa solubilidade;
O fim nunca esteve em nossa possível inadaptação.