terça-feira, 3 de maio de 2011

L'Enfant Endormi

Socorro, nada sinto,
Eu só minto,
Finjo que amo,
Clamo à deusa de mentira decorando a prateleira,
Prometo a eternidade
E o meu peito aberto
Para a constatação...

O coração congelou,
A alma empedrou,
Morri.

* Referência à canção "Socorro", de Arnaldo Antunes e Alice Ruiz.