quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Demônios Anteriores Nada Interessantes

¿Qual destes paraísos te entregou a dor
De ser o próprio abrigo acorrentado ao céu?
¿Quem destes deuses coxos te ensinou a amar
A sede inconsequente que te obriga a ser?

¿Deitada em tua cela, pronta para ti,
Não via nada além do que urgia em mim?