domingo, 19 de dezembro de 2010

Da Racionalização em Ódio da Culpa

Ela deixou de ser borboleta e flor,
Tornou-se fruta seca sem sementes e função
A desintegrar sobre um punhado de terra
Árida de farta dela.