sábado, 6 de novembro de 2010

Prece

Quis retalhar a tua alma
Por algo que ainda não és
E sequer confio que serás,
Apenas desejo
(No tempo que não sei se tenho,
Deslizei com ódio a lâmina da pressa).