terça-feira, 28 de setembro de 2010

O Idiota

Da fúria mendaz,
O peito em chamas gélidas,
Mal me recordo,
Só aceito o que dizes por confiar em ti.