terça-feira, 13 de abril de 2010

Minto Estar Bem

Que o corpo estampado pra mim,
Distante aos milhares,
Desnudo aos passos
Letárgicos,
Pedinte dos atos
Nostálgicos
Aniquila-me,
Nada a negar.

Prendo-me às barreiras,
Expando-me à imaginação,
Retardo-me à ausência
E minto,
Minto estar bem.