sábado, 3 de abril de 2010

A Delicada Rudeza de um Expressionista

Após desconstruí-la no impossível
Sobre os cacos de uma suposta verdade,
Disse-me o mestre:
- Isso,
Seu caminho,
Mostre-se se lhe angustia!