domingo, 10 de janeiro de 2010

Entropia

Recomecemos, então:
Estava eu fora da regra?
(...)
Caralho,
Mudou em que parte do meio?
(...)
Não percebi,
Juro-te!