domingo, 22 de novembro de 2009

Transparente à Camisola

Cheguei a sorrir,
Mas doía...
Tentei não a permitir que pisasse neste mundo
E outro construí;
Chegou a ser habitável até que eu o inflamasse banhado a óleo,
Tornasse-o um irresistível chamado à dúvida.