sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Ponto sem retorno

- Incomoda-te, amor,
Para que tenha valido a pena!
Anos a fio desejando queimar a própria obra
É que a faz ter valido a pena...
- instigou-me Rubi.