segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Os fios soltos da rede neural

É senhorita do marasmo,
Caraminholando sobre ícones rabiscados em pedras polidas-
Mortos feito aquela gente e a sua tríade
(As suas vilas e necessidades).