sábado, 26 de setembro de 2009

Entre São Paulo e Brasília


Espero por um jeito,
Ou não;
Amedronto-me em tudo assim,
Acovardo-me por futuros também sombrios,
Choro declarando impotência,
Calo-me ausente do todo.