domingo, 26 de julho de 2009

Tigela d'Arroz

Por teu sorriso que jamais fugiu-
Lábios, olhos, cores e caminho,
Não acredito nesta insistência
Se à luz se esconde qualquer desatino,
À luz se extingue qualquer desnudado.