domingo, 5 de julho de 2009

Páginas sem Grampo

Arteira, a percepção desconcatenada do fato;
Inato só parece o medo
Até que eu aprisione a surpresa.

Enquanto falas,
Deitas-te em discursos sacais sobre este sentimento sublime de segundo caderno,
Ditongos deslocam luzes
E hiatos são o segredo do universo.