sexta-feira, 5 de junho de 2009

Sandália Amarela

Conduzi-me à marca,
Ao ciano contratempo,
Ao profano sacramento,
Encadeada ao quase firme e quase flácido tecido a contorcer os meus instintos.
Conduzi-me sem resposta primeira,
Sem resposta sensível,
Refastelando-me entre seios fartos,
Aprisionando-me entre pernas graves.