sexta-feira, 29 de maio de 2009

Beleza

A beleza espanta,
É nova,
Nada segue,
Transgride,
Desvia-se da retidão,
Impede a mesura,
Provoca a paúra após o entorpecimento,
Conduz à usura pelo seu prosseguimento
E morre
Abatida pela beleza seguinte.