terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

O Monge e o Junkie

Devido às circunstâncias,
Sejamos comedidos.

Que arrumem um abrigo,
O meu trio vai passar!

Ontem morreu um,
Hoje é outro se assim.

Vá no choro desses poucos,
Os meus muitos não precisam.